segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

Salvador na greve da polícia militar da Bahia

Sete dias de greve de 1/3 dos policiais militares na Bahia.
Dezenas de mortes e outras tantas tentativas.
Centenas de assaltos e arrombamentos, tropas de elite com mandatos de prisão para o comando de greve, escolas suspensas, engarrafamentos monstruosos na hora do pânico...
ônibus de transporte escolar queimado, outros atravessados bloqueando avenidas...
Muitos, muitos militares espalhados pela cidade, especialmente pelas áreas turísticas...
Esposas e filhos dos PMs amotinados, colocados entre estes e os mais de 1.000 homens do exército que cercaram a Assembléia Legislativa - verdadeiros escudos humanos.
Um prefeito que sequer aparece (com exceção para as fotos com a ex-amante, atual mulher)...
Um governador ex-sindicalista que esquece o passado e não negocia com grevistas...
Promessas não cumpridas...
Quem foi culpado? Quem sairá ganhando?
Todos para a primeira, ninguém para a segunda.
















6 comentários:

  1. Ai Nina, que horror... e o pior é que este rastilho de pólvora pode muito bem chegar em outros estados, pois os policiais ganham mal em todas as regiões. Eu só peço a Deus que tenha misericórdia de nós, porque as coisas andam de mal a pior.
    Mas vc mora na cidade mesmo, ou mais afastada ?
    Ai, nós já passamos por um estado desses na época do pcc, e foi horrível, nem quero imaginar como é estar num caos como esse.

    Bjus 1000 querida !!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pepinha, moro em Lauro de Freitas, cidade "colada e grudada" em Salvador, e para tudo que precisamos temos que atravessar a avenida Paralela, onde fica a Assembléia Legislativa invadida e onde têm parado o trânsito...
      Ou seja, o negócio é ficar na toca e evitar saídas à rua.
      Beijos

      Excluir
  2. Triste, muito triste...
    Ai, amiga...
    É por essas e outras que eu tenho que ir aterrissando de leve...
    Devagarim...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Devagarim, mineirinha... E boa aterrissagem.
      Beijos

      Excluir
  3. Triste, muito triste...
    Ai, amiga...
    É por essas e outras que eu tenho que ir aterrissando de leve...
    Devagarim...

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga, lamentável tudo isso, rezo para que as coisas se normalizem, no Brasil vivemos a síndrome da remediação, em vez de evitar, vamos agindo drasticamente tornando mais insuportavel a situação, que dor, amiga, muito triste isso. Só nos resta pedir a Deus a intervenção, que a paz chegue logo aí. bjos.

    ResponderExcluir

Fique à vontade... Vou gostar de saber sua opinião.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...